FANDOM


Jason Brody
-
O Guerreiro
Nome: Jason Brody
Estado: Determinante
Papel: Protagonista
Idade: 25
Data de nascimento: 1987
Lugar de nascimento: EUA
Data da morte: 2012
Causa da morte: Morto por Citra Talugmai
Nacionalidade: Americano
Altura: 1.88 m
Cor do cabelo: Preto
Cor dos olhos: Verde
Peso: 89 kg
Residência(s): Rook Islands (Antigamente)
EUA (Antigamente)
Afiliações: Liza Snow
Keith Ramsay
Citra Talugmai
Dennis Rogers
Rakyat
Grant Brody
Riley Brody
Oliver Carswell
Daisy Lee
Profissão: Estudante
Guerreiro Rakyat (Antigamente)
Experiente em: Armas de Fogo e Combate com Facas
Jogo(s): Far Cry 3
Far Cry 4 (Mencionado)


"Já matei tantas pessoas que perdi a conta. Não dá pra esquecer isso. Sou um monstro. Sinto a raiva que existe dentro de mim. Mas ainda sou, bem no fundo, mais do que isso. Melhor que isso."
―Jason nos momentos finais de Far Cry 3[src]

Jason Brody é o principal protagonista de Far Cry 3. Jason veio a Rook Islands em uma viagem de paraquedismo com um grupo de amigos e foi capturado pelos Piratas. Depois da sua fuga quase fatal do Vaas Montenegro, Jason se tornou uma lenda entre os residentes de Rook Island e com a ajuda dos Rakyat, ninguém mais conseguiu detê-lo. Ele não vai descansar até que toda a sua família seja resgatada.

História

Nascido em Los Angeles, Califórnia; Jason é o irmão do meio entre Grant Brody e Riley Brody. Jason sempre teve boas notas em Educação-Física e era um atleta, ele era rico também, seu pai era um homem de negócios importantes e eles sempre estudaram nas melhores e mais ricas escolas de Los Angeles. Lá Jason encontrou Liza Snow, que no futuro viraram namorados, ele também fez amizade com Oliver, Keith e Daisy que era namorada de Grant. Juntos eles começaram a viajar pelo mundo, indo a lugares paradisíacos para fazer esportes radicais, se drogarem e curtir a vida ao extremo. Um dia, eles foram as Ilhas Rook para paraquedismo e turismo, e lá o jogo começa.

Far Cry 3

O jogo começa com uma exibição cinematográfica protagonista Jason Brody em férias com um grupo de amigos em Bangkok comemorando com o irmão mais novo de Jason, Riley que tinha acabado obter uma licença de piloto. Como parte das férias eles decidem fazer uma viagem de pára-quedismo. Eles pousar em uma ilha infestada de piratas, e são feitos prisioneiros por um lorde pirata chamado Vaas. Vaas tem planos para extorquir dinheiro do resgate de seus pais, em seguida, vendê-los como escravos. Com a ajuda de seu irmão mais velho Grant, Jason foge do cativeiro, mas Grant é morto por Vaas na fuga. Jason é resgatado por um homem chamado Dennis, que faz parte dos Rakyat, os nativos da ilha que sofrem devido às atividades dos piratas. Dennis reconhece o potencial do Jason como um guerreiro, e dá-lhe a tatau, as tatuagens de um guerreiro Rakyat. Jason, então, ajuda os Rakyat em uma série de missões e acaba encontrando um de suas amigas, Daisy, na casa do Dr. Earnhardt. Impressionado com a proeza de Jason, os Rakyats permitiram que ele seja o segundo estrangeiro a entrar no seu templo sagrado (Dennis foi o primeiro por nascer na Libéria) e sua líder Citra inicia-o na tribo, depois de Jason encontra e retorna a faca Silver Dragon, uma relíquia Rakyat, tê-lo visto em um sonho anterior. Ele executa uma série de missões durante o qual ele resgata seus amigos em cativeiro Keith, Oliver e a namorada de Jason, Liza, ajudando, simultaneamente, os Rakyat a retomar sua ilha, ajudado às vezes por Dr. Earnhardt e Willis Huntley, um agente da CIA. Depois de alguns desentendimentos com Vaas, Jason descobre que ele é empregado de Hoyt Volker, um comerciante de escravos, e que Vaas é irmão de Citra. Ao longo da aventura, Jason amadurece em um guerreiro temível e é reverenciado pelos Rakyat, começa a desfrutar de toda a matança, e cresce mais distantes de seus amigos, especialmente depois de receber a informação de que Riley estava morto. Após isso, Citra pede a ele para ficar na ilha, Jason retorna para a casa de Dr. Earnhardt, onde seus amigos estavam se escondendo e preparando sua fuga de barco, e diz-lhes que ele está ficando na ilha, completamente distante de seus amigos e familiares, deixando-os perturbados, Liza e Daisy não aceitam muito bem, já Keith e Oliver, apenas despedem de Jason, compreendendo que é a escolha dele. Enquanto isso, Jason tem um caso com Citra depois que ela o droga e ele e faz sexo com ela enquanto ele está em uma alucinação.

Depois de dar adeus a seus amigos, Jason vai para a base de piratas, onde Vaas está. Acreditando que Jason estava morto após um confronto entre os dois anteriormente, Vaas estava comemorando a morte de Jason. Depois que Jason mata numerosos piratas e atinge um armazém, ele e Vaas lutam, mas Jason entra em um estado delirante, lutando múltiplas cópias de Vaas em uma alucinação. Ele atinge um Vaas final, e depois de uma breve luta, ele espeta-lhe no peito com a faca do dragão e cai à direita além dele. Ele acorda para Citra no templo dos Rakyat, e promete a ela que ele vai matar Hoyt. Ele pede a Huntley que estava de saída da Ilha para a Rússia, ele o ajuda a entrar em ilha de Hoyt, Jason se infiltra exército pessoal de Hoyt com a ajuda de Sam Becker, companheiro operatório de Huntley. Durante este tempo, Jason descobre que Riley está vivo, mas prisioneiro de Hoyt. Jason trabalha o seu caminho para a confiança de Hoyt, até Hoyt, eventualmente, convida-ló ele e Sam a uma noite de poker. Depois de fazer um plano para matar Hoyt, Sam e Jason sentam no jogo de poker, mas Hoyt esfaqueia Sam na garganta e o mata; Hoyt sabia que ambos eram traidores. Depois de Jason recebe um de seus dedos cortados por Hoyt, os dois têm uma briga de faca, com Jason saindo vitorioso, matando Hoyt. Jason, em seguida, sai para resgatar Riley; ele recebe um telefonema de Liza, mas o sinal é cortado antes que ela possa dizer qualquer coisa. Jason resgata Riley e os dois fugiram de helicóptero. Eles voam para a casa de Dr. Earnhardt, mas a encontram em chamas e o médico morrendo no chão. Com suas últimas palavras, ele diz que a casa foi atacada pelos Rakyat, e que eles têm os seus amigos.

Jason e Riley chegar ao Templo Rakyat. Jason pergunta a Citra por que seus amigos foram capturados, mas ela o pulveriza com um pó sono, e Jason cai inconsciente, enquanto Riley é capturado. Citra tenta seduzir Jason e diz que o ama, acreditando ser ele um poderoso guerreiro da lenda Rakyat, e que ela vai libertá-lo. Ele começa a sonhar com percorrendo um caminho de fogo, com a faca do dragão, e tendo Liza como um monstro em seu sonho. Ele acorda segurando Liza com uma faca com a faca do dragão, e o jogador é dado a escolha, para matar amigos de Jason ou para poupá-los.

Se o jogador escolhe para matar seus amigos, Jason vai cortar a garganta de Liza e depois ter sexo com Citra em um ritual. Jason, no entanto, é esfaqueado no peito por Citra, que diz que seu filho irá liderar a Rakyat para a glória. Como Jason está quase morte, Citra diz que ele "ganhou". Se o jogador não escolhe para poupar seus amigos, Jason vai parar o ritual e libertar seus amigos, dizendo aos Rakyat e Citra que a matança deve parar. Como Citra implora para ele ficar na ilha, Dennis está indignado pelo que ele considera um insulto por Jason, e tenta esfaqueá-lo, apenas para Citra ficar no caminho e a faca acertá-la. Como Citra estava sangrando nos braços de Jason, ela implora para ele ficar. Ela morre, e Dennis cai no chão, não acreditando que ele fez. Jason e seus amigos são vistos deixando a ilha de barco, com Jason narrando que, apesar de se tornar um monstro de toda a matança, ele ainda acredita que em algum lugar no seu coração ele ainda é melhor do que isto. O jogo termina com uma imagem fixa do barco e da faca do dragão na praia, enquanto os créditos rolam.

Personalidade e Traços

Jason Brody

Jason Brody.

Antes dos acontecimentos de Far Cry 3, Jason era originalmente um jovem comum e imaturo que não tem confiança. Agora na ilha, Jason se desenvolve em um indivíduo corajoso, aventureiro, inteligente, confiante e perigoso, mas também perturbado, violento e instável. Traços de sociopatas se tornam mais evidentes como a história avança, com Jason rapidamente aceitando a violência em torno dele e ainda mais rápido para se envolver em matanças, acabou admitindo a Daisy que ele achou divertido matar e se sentiu como "um vencedor". Apesar disso, Jason pode ser bastante bem-humorado e imaturo às vezes, como ser animado quando queima o campo de ervas daninhas ou de causar caos em direção aos seus inimigos. Jason é muito culto, usando referências populares e famosos durante suas aventuras como o "salto de fé" (referência Assassins Creed) e "Use a força!" (Star Wars referência) e também "Você gentilmente pode ativar?" (Referência possível a Bioshock).

Jason também é muito carinhoso, protetora e leal a sua família e amigos, onde seus principais motivos na ilha são para resgatá-los. Há alguma evidência de sua lealdade, como juramento de vingança para matar aqueles que prejudicam a sua família e amigos (especificamente Vaas pelo seqüestro do grupo e assassinar Grant, Buck por torturar Keith para seu próprio prazer, e Hoyt para fotografar Riley e mantendo ele como prisioneiro). Desde que Jason escapou do acampamento de Vaas, ele cresceu para se tornar um herói famoso entre os moradores da ilha, embora ele não parece se preocupar com o seu estatuto. Durante suas aventuras, Jason iria dar uma mão para os moradores de lá, os Rakyat.

Curiosidades

  • Jason começa a ficar progressivamente mais acostumados à violência, e até encontra-lo divertido em vários níveis. O jogador pode ter uma conversa opcional nas cavernas onde ele diz Daisy que matar o faz "se sentir como um vencedor".
  • Perto do final do jogo, Jason perde metade do dedo anelar de sua mão esquerda por Hoyt Volker. Coincidentemente, é o mesmo dedo como Altaïr Ibn-La'Ahad de Assassin's Creed e Joe 'Red' Hartstock de Brothers in Army, ambos os jogos feitos pela Ubisoft.
  • Na missão dos Cogumelos, antes de saltar para a água a partir de uma bastante grande altura, Jason diz: " Um salto de fé", que é outra referência para Assassin's Creed, onde o salto de fé é um elemento do jogo.
  • Sempre que Jason tem uma batalha significativa com um antagonista, ele muda a partir da localização real para um pequeno quarto decorado semelhante ao onde a luta está realmente acontecendo. A clareza e confiabilidade disso são postas em dúvida, após a morte de Hoyt Volker, como Jason se encontra em uma luta um-a-um faca com ele aparentemente foi após o dedo dele ter sido cortado, mas quando ele acorda da luta, ele encontra-se com o dedo enfaixado e um quarto inteiro de guardas mortos.
  • O modelo Jason Brody no editor de mapa tem o tatau em seu braço direito, enquanto que na campanha single player, Jason teve a tatau em seu braço esquerdo.
  • Jason Brody pode ser gerado como um IA hostil no editor de mapa, mas a sua voz não é usada. Em vez disso, usa a voz dos Assaltantes Piratas.

Galeria